Quarta-Feira 17/08/2022 11:46

O maior inimigo do brasileiro

Estado - Opinião

Brasil: o país do futuro. Há 40 anos ouve-se isso por aí e até hoje esperamos o “futuro” passiva e pacientemente. Em tempos de estabilidade econômica, com inflação controlada, juros relativamente baixos (a taxa SELIC que já foi de 26,5% hoje é de 12,7%) é fácil pensar que tudo está a mil maravilhas.

Podem chamar o ex-presidente Lula de analfabeto, mas o cara é um gênio! Aproveitou-se muito bem da estrutura deixada nos 8 anos do governo FHC, deixando o país seguir seu rumo natural. Quando a crise apertava, a economia brasileira resistia enquanto o resto do mundo perecia.

O nosso então barbado líder da nação chamava para si os bons resultados e sabiamente se afastava dos maus resultados. “Eu não sei de nada” dizia ele sobre o mensalão. E o povo engolia essas e outras pitorescas histórias que ocorreram em seus dois mandatos.

E por que? Porque o tal molusco teve uma brilhante ideia: mexer na barriga do povo.

É bem verdade que a situação era crítica. Mais de 40 milhões de brasileiros vivendo na absoluta pobreza. Ninguém nunca se importou com eles em quinhentos anos de história deste país. Um sábio homem, ex-líder sindical sabia o que fazer: dar pão ao povo. Graças a Deus, nunca passei fome na minha vida, mas posso imaginar como deve ser chegar em casa e ver sua família passando fome e não haver comida nem dinheiro para comprá-la.

E melhorar a condição de vida do pobre é melhorar o país de certa forma. Quando as condições são melhores, consome-se mais, pagando mais impostos, que por sua vez, em tese, seria aplicado à saúde, à educação, ao saneamento básico, o que melhoraria ainda mais as condições de vida da população, que consumiria mais, pagando mais impostos e assim por diante.

Mas o que é melhor? Dar o peixe ou ensinar a pescar?

O que vi acontecer na última década no país é algo que data de antes de Cristo, aplicada pelos imperadores romanos: a política do pão e circo.

O pão, ou se preferir, Bolsa-Família, Vale Gás, Bolsa-Escola, Energia-Social, Água-Social, etc, enche a barriga enquanto o circo, ou se preferir, 90% dos veículos de comunicação abertos do país (inclusive a internet) mantém o povo quietinho e distraído.

Falei tudo isso pra poder chegar no ponto-chave deste artigo: o pior inimigo do brasileiro é ELE MESMO.

Por que aceitamos numa boa essa palhaçada que chamamos de Congresso Nacional?

Por causa daquela velha história “Tá ruim, mas tá bão!”. Deixem os nobres deputados roubarem nosso dinheiro, não está faltando comida na minha mesa mesmo. O brasileiro é imediatista e egoísta, pensa apenas em si próprio e por algo que venha fácil. Por isso que o que mais se vê é compra de voto neste país.

Talvez isso seja reflexo de séculos de maus-tratos, de sofrimento, de miséria. Fica difícil pensar nos outros quando se está numa situação dessas. O problema é cultural, por aqui vale o “Ema Ema, cada um com seus pobrema!”.

Políticos corruptos? Até onde sei, vivemos numa democracia, então foi o próprio povo que elegeu essa corja de vagabundos que ocupam o Congresso. Alguns porque ganharam um DVD Player, outros porque conseguiram um empreguinho para “mamar” no governo.

A saúde é ruim? Pense no médico que atende no SUS. O descaso reina. Sorte de quem não precisa. Infelizmente eu senti na pele o problema na última semana.

A educação é ruim? Sim, professores mal pagos, que não sentem o menor prazer em estar ali naquela sala de aula e principalmente, alunos desinteressados, que não estão nem aí para o que o professor inutilmente tenta lhes ensinar.

Irônico é o brasileiro sair no tapa por causa de uma partida de futebol e não fazer absolutamente nada quando aparece um novo escândalo de corrupção. Se tivéssemos pelo país a metade da paixão que temos pelo nosso time de futebol, garanto que as coisas seriam muito diferentes. Mas brasileiro só é brasileiro em época de Copa do Mundo.

Será que ninguém percebe que nós mesmos nos prejudicamos? Que o culpado de tudo isso não é o Sarney, não é o Palocci, não é o Marcos Valério e outros da laia deles. O culpado é você mesmo por aceitar essas e outras afrontas.

Para finalizar, deixo uma “releitura” do depoimento de um de meus veteranos aqui na UFSCar, cujo nome eu não me lembro, que foi trabalhar na Finlândia depois de formado e notou a diferença da cultura coletiva entre os países:

“Interessante a diferença da cultura aqui na Finlândia.

Eu costumo ir para o trabalho de carona com um colega, o qual gostava de chegar bem cedo à empresa para poder tomar café antes de começar o expediente.

Mesmo chegando mais cedo, eu notava que ele estacionava muito longe da entrada principal e fazíamos uma caminhada até a porta, mesmo no frio.

Um belo dia, não me aguentei de curiosidade e perguntei a ele por que ele estacionava tão longe da porta. Ele me respondeu que como nós chegávamos adiantados, tínhamos tempo de caminhar e chegar à empresa tranquilamente. As vagas mais próximas da entrada ficam para os que chegarem atrasados, para que não se atrasem ainda mais.”

Compartilhar faz bem!

Eventos

  • 1º Encontro dos Amigos da Empaer

    1º Encontro dos Amigos da Empaer

    Cidade:Dourados
    Data:29/07/2017
    Local:Restaurante / Espaço Guarujá

  • Caravana da Saúde em Dourados II

    Caravana da Saúde em Dourados II

    Cidade:Dourados
    Data:16/04/2016
    Local:Complexo Esportivo Jorge Antonio Salomão

Veja Mais Eventos

Balcão de Oportunidades / Empregos(Utilidade Pública)

Não é cadastrado ainda? Clique aqui

Veja todas as ofertas de vagas

Cotações

Indisponível no momento

Universitários

Serviço Gratuito Classificados - Anúnicios para Universitários
Newsletter
Receba nossa Newsletter

Classificados

Gostaria de anunciar conosco? Clique aqui e cadastre-se gratuitamente.

  • Anúncios

Direitos do Cidadão

Escritório Baraúna-Mangeon Faça sua pergunta
  • Tem uma senhora dai de Campo Grande que é uma estelionatá...Tem uma senhora dai de Campo Grande que é uma estelionatária aqui em Cuiabá, levou muita grana nossa, e uma eco esporte. Ela se chama LEUNIR..., como faço pra denunciar ela aí nos jornais?Resp.
  • Boa tarde, minha sogra teve cancer nos seios e retirou um...Boa tarde, minha sogra teve cancer nos seios e retirou um eo outro parcial ja faz um bom tempo que nao trabalha e estava recebendo auxilio doença mas foi cancelada e ja passou por duas pericias e nao consegui mais , sera que tem como ela aposentar?Resp.
  • quanto porcento e o desconto para produtor rural hoje out...quanto porcento e o desconto para produtor rural hoje outbro de 2013Resp.
  • meu irmao cumpriu dois ano e meio de pena foi asolvido 7 ...meu irmao cumpriu dois ano e meio de pena foi asolvido 7 a zero caso ele tenha alguma condenacao esse 2 anos e meio pode ser descontadoResp.
  • gostaria de saber se ae em muno novo vai ter curso pilota...gostaria de saber se ae em muno novo vai ter curso pilotar maqunas agricolas?? se tiver como fasso pra me escreverResp.
+ Perguntas

Espaço do Leitor

Envie sua mensagem:
Sugestões, críticas, opinião.
  • iraci cesario da rocha rocha

    Procuro minha irmã Creusa Maria Cesario ela era de Dracena SP , minha mãe esta idosa 79 anos precisa ver ela se alguem souber nos avisa ..contato 018 996944659 falar com Iraci ..minha irmã foi vista nessa região

  • iraci cesario da rocha rocha

    Boa noite , estou a procura da minha irmã Creusa Maria Cesario desapareceu ha 30 anos , preciso encontrar porque minha mãe esta com 79 anos e quer ver , ela foi vista ai por essa região , quem souber nos avise moramos aqui em Dracena SP

  • maria de lourdes medeiros bruno

    Parabéns, pelo espaço criado. Muito bem trabalhado e notícias expostas com clareza exatidão. Moro na Cidade de Aquidauana e gostaria de enviar artigos. Maria de Lourdes Medeiros Bruno

  • cleidiane nogueira soares

    Procuro por Margarida Batista Barbosa e seu filho Vittorio Hugo Barbosa Câmara.moravam em Coração de Jesus MG nos anos 90 .fomos muito amigos e minha família toda procura por notícias suas.sabemos que voltaram para Aparecida do Taboado MS sua cidade natal

  • Simone Cristina Custódio Garcia

    Procuro meu pai Demerval Abolis, Por favor, me ajudem.Meu telefone (19) 32672152 a cobrar, Campinas SP.

+ Mensagens