Segunda-Feira 06/07/2020 19:34

Covid-19: 75% dos moradores de favelas não procuram atendimento médico

Brasil - Saúde - Pesquisa

Foto: Agência Brasil

Uma pesquisa feita pela organização Viva Rio mostrou que 75,5% das pessoas com sintomas de covid-19 nas favelas não procuraram atendimento médico e que metade conhece alguém próximo que morreu da doença. A pesquisa revela ainda que 10% das mortes ocorreram dentro de casa, sem qualquer assistência médica.

O levantamento integra a iniciativa SOS Favela – Rede Solidária contra o coronavírus, que tem um cadastro de 32.037 famílias em 332 comunidades de 29 municípios do estado do Rio de Janeiro. O questionário foi aplicado pela internet entre os dias 9 e 16 de maio. Todas as famílias cadastradas foram convidadas a participar da pesquisa e 3.542 responderam sobre o impacto da covid-19 em sua vida.

Os dados obtidos mostram que 8,8% dos domicílios das favelas têm ao menos uma pessoa infectada e que 4,2% disseram não estar infectados, mas convivem com pelo menos uma pessoa com a doença. Das pessoas que responderam à pesquisa, 3,2% informaram ter tido diagnóstico positivo para covid-19, variando de 4,5%, na capital, a 0,4%, no interior.

Considerando a alta taxa de contágio do novo coronavírus e a dificuldade de isolamento dos moradores das favelas, a organização estima que o número de pessoas com covid-19 nas comunidades pode chegar em breve a 150 mil. A pesquisa indica também que as pessoas contaminadas são as que precisam sair de casa para trabalhar, já que 87,9% tem entre 25 e 59 anos de idade.

O levantamento mostra ainda que a pandemia já se instalou na Baixada Fluminense. Enquanto, no interior do estado, 16,5% dos entrevistados disseram que ele próprio, ou alguém dentro de casa, teve sintomas da doença; na capital, o percentual é de 39,2% e na Baixada, de 34%. O percentual dos que tiveram resultado positivo em testes na região ficou em 2,4%.

Segundo a organização, a desigualdade na assistência ocorre também entre as favelas. Enquanto 11,9% dos entrevistados da Baixada relataram a morte de pessoas próximas por covid-19, ou suspeita dentro de casa; na capital, são 11,6%, em São Gonçalo, 9,5%, em Niterói, 3,3% e no interior, 3,1%.

O Painel Coronavírus nas Favela, do jornal Voz das Comunidades, mostra que, na capital, essas localidades tem 842 casos confirmados de covid-19, com 202 mortes, conforme dados atualizados na noite de ontem (25). A Rocinha é a favela com mais casos: 152, no total, e 52 mortes. A Maré vem em segundo, com 142 confirmações da doença e 23 óbitos.

No Complexo da Maré, o monitoramento feito pela organização Redes da Maré indica uma diferença de 193% com relação aos dados oficiais da prefeitura. A terceira edição do boletim De olho no Corona!, divulgado na quinta-feira (21), diz que as 16 favelas do complexo somavam, até o dia 18 de maio, 261 pessoas com suspeita ou confirmação da doença e 38 óbitos associados à covid-19.

 

Agência Brasil/KV

Compartilhar faz bem!

Eventos

  • 1º Encontro dos Amigos da Empaer

    1º Encontro dos Amigos da Empaer

    Cidade:Dourados
    Data:29/07/2017
    Local:Restaurante / Espaço Guarujá

  • Caravana da Saúde em Dourados II

    Caravana da Saúde em Dourados II

    Cidade:Dourados
    Data:16/04/2016
    Local:Complexo Esportivo Jorge Antonio Salomão

Veja Mais Eventos

Balcão de Oportunidades / Empregos(Utilidade Pública)

Não é cadastrado ainda? Clique aqui

Veja todas as ofertas de vagas

Cotações

Indisponível no momento

Universitários

Serviço Gratuito Classificados - Anúnicios para Universitários

Tempo / Clima

Newsletter
Receba nossa Newsletter

Classificados

Gostaria de anunciar conosco? Clique aqui e cadastre-se gratuitamente.

  • Anúncios

Direitos do Cidadão

Escritório Baraúna-Mangeon Faça sua pergunta
  • Tem uma senhora dai de Campo Grande que é uma estelionatá...Tem uma senhora dai de Campo Grande que é uma estelionatária aqui em Cuiabá, levou muita grana nossa, e uma eco esporte. Ela se chama LEUNIR..., como faço pra denunciar ela aí nos jornais?Resp.
  • Boa tarde, minha sogra teve cancer nos seios e retirou um...Boa tarde, minha sogra teve cancer nos seios e retirou um eo outro parcial ja faz um bom tempo que nao trabalha e estava recebendo auxilio doença mas foi cancelada e ja passou por duas pericias e nao consegui mais , sera que tem como ela aposentar?Resp.
  • quanto porcento e o desconto para produtor rural hoje out...quanto porcento e o desconto para produtor rural hoje outbro de 2013Resp.
  • meu irmao cumpriu dois ano e meio de pena foi asolvido 7 ...meu irmao cumpriu dois ano e meio de pena foi asolvido 7 a zero caso ele tenha alguma condenacao esse 2 anos e meio pode ser descontadoResp.
  • gostaria de saber se ae em muno novo vai ter curso pilota...gostaria de saber se ae em muno novo vai ter curso pilotar maqunas agricolas?? se tiver como fasso pra me escreverResp.
+ Perguntas

Espaço do Leitor

Envie sua mensagem:
Sugestões, críticas, opinião.
  • iraci cesario da rocha rocha

    Procuro minha irmã Creusa Maria Cesario ela era de Dracena SP , minha mãe esta idosa 79 anos precisa ver ela se alguem souber nos avisa ..contato 018 996944659 falar com Iraci ..minha irmã foi vista nessa região

  • iraci cesario da rocha rocha

    Boa noite , estou a procura da minha irmã Creusa Maria Cesario desapareceu ha 30 anos , preciso encontrar porque minha mãe esta com 79 anos e quer ver , ela foi vista ai por essa região , quem souber nos avise moramos aqui em Dracena SP

  • maria de lourdes medeiros bruno

    Parabéns, pelo espaço criado. Muito bem trabalhado e notícias expostas com clareza exatidão. Moro na Cidade de Aquidauana e gostaria de enviar artigos. Maria de Lourdes Medeiros Bruno

  • cleidiane nogueira soares

    Procuro por Margarida Batista Barbosa e seu filho Vittorio Hugo Barbosa Câmara.moravam em Coração de Jesus MG nos anos 90 .fomos muito amigos e minha família toda procura por notícias suas.sabemos que voltaram para Aparecida do Taboado MS sua cidade natal

  • Simone Cristina Custódio Garcia

    Procuro meu pai Demerval Abolis, Por favor, me ajudem.Meu telefone (19) 32672152 a cobrar, Campinas SP.

+ Mensagens